Início > DR./MD., Principal > Dialogando com os pais:Nova vacina Pneumocócica -Talking with parents:New Pneumococcal vaccine

Dialogando com os pais:Nova vacina Pneumocócica -Talking with parents:New Pneumococcal vaccine

22 de maio de 2010

Vacina -PCV13- Vaccine

Dialogando com os pais: Nova Vacina Pneumocócica

Dado aprovação de uma nova vacina anti-pneumocócica pelo Centro de Prevenção e Doenças (CDC) e o órgão americano responsável pela vigilância sanitária (FDA), e que em breve estará disponível também no Brasil,  a PULMAOSA publicou recentemente a informação de que o comitê de Imunizações do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC)  havia recomendado o uso de uma vacina conjugada 13-valente (PCV13), que afere maior proteção para as crianças contra doenças pneumocócicas.

Como a vacina anti- pneumocócica heptavalente ou Prevnar® ainda permanece em circulação, publicamos um questionário a respeito a fim de dirimir possíveis dúvidas dos pais:

1. Esta nova vacina protege contra vírus ou bactéria?

R: Protege contra cepas do Streptococcus pneumoniae , ou pneumococo, que  é uma bactéria comumente envolvida em pneumonias adquiridas na comunidade,otites, faringites,meningites ( também conhecida como doença pneumocócica invasiva), e que pode também se associar  a gripe pandêmica H1N1.

2. Por que a vacina heptavalente recebe este nome?

R: Porque ela protege contra sete sorotipos entre os noventa existentes do pneumococo.

  1. 3. Se a vacina heptavalente contribuiu para a redução das doenças pneumocócicas, qual o porquê dela estar sendo substituída pela hepta-13?

R:  Apesar da vacinação rotineira das crianças com a heptavalente- PCV7  ter reduzido as taxas de doença pneumocócica invasiva em 80% desde 2000, aproximadamente cerca  de 160 mil crianças ainda desenvolvem pneumonia pneumocócica nos Estados Unidos e há cerca de 800.000 procuras/ano por um serviço médico devido a otite média causada pelo pneumococo!
Estes  números ainda são ainda muito altos porque  a heptavalente abrange  como já dito sete sorotipos. A vacina Pneumo-13 por ser mais abrangente promoverá uma cobertura maior e, portanto contribuirá para diminuir as taxas de doença pneumocócica.

Outro motivo é que está havendo registro de aumentos na doença pneumocócica ocasionados por alguns sorotipos não cobertos pela heptavalente. A hepta-13 protegerá contra um destes sorotipos, o sorotipo 19A,  que é o principal causador de doença pneumocócica invasiva nos Estados unidos hoje em dia.

A  Prevnar -13 também contém antígenos conjugados representando os sorotipos 1, 3, 4, 5, 6A e B, 7F, 9V, 14, 18C, 19F e 23F

  1. 4. Com a entrada da Hepta-13, os sorotipos da heptavalente deixarão de ser cobertos?

R: Não. A vacina Hepta-13 ou PCV13 contem os sete sorotipos da PCV-7 e mais outros seis sorotipos, incluído o supracitado 19A.

  1. 5.Ao procurar uma clínica e deparar com a existência da Prev7 e da Prev13, qual deve ser oferecida ao meu filho?

R: Caso haja a coexistência das duas vacinas, a recomendação do CDC é que seja ofertada a PCV13.Caso haja apenas a PCV7 disponível, ela deve ser feita para que a criança não fique descoberta.

  1. 6.Para quem esta nova vacina PCV13 é destinada?

R: A PCV13 tem a mesma indicação da PCV7, Ou seja:  É destinada para todas as crianças de 2, 4, e 6 meses de idade, seguido por uma dose de reforço aos 12 e 15 meses de idade.

OBSERVAÇÕES: a) Os bebês que iniciaram o programa de vacinação com a PCV7 devem completar o cronograma com a PCV13;

b) E para aquelas crianças saudáveis de 14 a 59 meses de idade já estejam vacinadas com PCV7, o CDC recomenda que elas recebam uma dose complementar de PCV13.

FONTES:

PULMAOSANEWS

ACIP -Comitê Consultivo em Práticas de Imunização – CDC USA

ENGLISH

Talking with parents: New Pneumococcal Vaccine

Since approval of a new pneumococcal vaccine by the Center for Disease and Prevention (CDC) and the American body responsible for health surveillance (FDA), which will soon be available also in Brazil, PULMAOSA recently published information that the CDC’s Advisory Committee on Immunization Practices had recommended the use of a 13-valent conjugate vaccine ( PCV13), which offer greater protection for children against pneumococcal disease.
As the heptavalent pneumococcal vaccine or remains in circulation, PULMAOSA publishes a  Faq in order to remove possible doubts of the parents:

1.This new vaccine protects against bacteria or virus?
A: It protects against strains of Streptococcus pneumoniae, or pneumococcus, a bacteria commonly involved in community-acquired pneumonia, otitis, pharyngitis, meningitis (also known as invasive pneumococcal disease), and may also provoke pneumonia related to pandemic influenza H1N1.

2. Why the name heptavalent vaccine?

A: Because it protects against seven serotypes among the ninety existing pneumococcus.
3. The heptavalent vaccine contributed to the reduction of pneumococcal disease. So, why  is it being replaced by the hepta-13?
A: Despite the routine vaccination of children with PCV7-heptavalent have reduced rates of invasive pneumococcal disease by 80% since 2000, roughly around 160 000 children still develop pneumococcal pneumonia in the United States and there are about 800,000 searches a year for a medical service due to otitis media caused by pneumococcus!
These numbers are still very high because the heptavalent covers as said seven serotypes. Pneumo-13 vaccine will promote better coverage and therefore it will help to reduce the rates of pneumococcal disease.

Another reason for PCV7 – PCV13  shift can be justified because there are record increases in pneumococcal disease caused by some serotypes not covered by heptavalent.

The hepta-13 will protect against one of these serotypes responsible for disease not covered by PCV7, the serotype 19A, which nowadays is the major cause of invasive pneumococcal disease in the United States.
PCV13 also contains conjugated antigens representing serotypes 1, 3, 4, 5, 6A and B, 7F, 9V, 14, 18C, 19F and 23F.
4. With the Hepta-13’s launch, will the serotypes of heptavalent not be covered?
A: No. The vaccine Hepta-13 or PCV13 contains the seven serotypes of PCV-7 plus six other serotypes, including 19A mentioned above.

5. Looking for a clinical Vaccine Service, is there a possibility to face the coexistence of Prev7 and Prev13. Which should be offered to my child?
A: If there is a coexistence of the two vaccines, the CDC’s Vaccine  recommendation is to offer  PCV13.
If there is only PCV7 available, it should be done so that the child does not get discovered.

6.The new vaccine PCV13 will be appointed to that age group?
A: PCV13 is aimed at all children aged 2, 4 and 6 months of age, followed by a booster dose at 12 and 15 months of age.
Babies who have started the vaccination program with PCV7 should complete the schedule with PCV13.
And for those healthy children 14-59 months old are already vaccinated with PCV7, the CDC recommends that they receive an additional dose of PCV13.

SOURCES:
PULMAOSANEWS- Lungs: Your Atmosphere, Your Life! ®
ACIP-Advisory Committee on Immunization Practices – CDC USA

%d blogueiros gostam disto: