Início > Crianças/ Children, Pare de Fumar / Quit, Principal > Meninas experimentam mais cigarro que meninos no Brasil

Meninas experimentam mais cigarro que meninos no Brasil

30 de agosto de 2011

Meninas experimentam cigarros precocemente no Brasil

Meninas experimentam mais cigarro que meninos no Brasil

( PULMAOSANEWS)  O  Instituto Nacional do Câncer (Inca) divulgou estudo que mostra que as adolescentes mulheres (13 a 15 anos) em algumas das principais cidades do Brasil são o grupo de maior preocupação para o Ministério da Saúde, uma vez que elas estão fumando mais que os meninos nesses locais.  No Sul duas capitais se destacam com índices maiores que Rio e São Paulo:  Curitiba, apresentando 46,9% das meninas que  já experimentaram cigarro, enquanto que o mesmo foi feito por 35,7% dos meninos. E Porto Alegre, cidade com maior variação, 52,6% das meninas já fumaram pelo menos uma vez nesta faixa etária, contra 38% dos adolescentes.

RIO e São Paulo:

Em São Paulo, 38% das meninas já experimentaram, contra 29,7% dos meninos.

Rio de Janeiro, 36,5% das meninas já fumaram e o percentual de meninos foi de 29,5%.

Cigarro avulso: outro dado preocupante

Apesar da lei que proíbe a venda de cigarros para menores de idade, os adolescentes não têm dificuldade para comprar o produto. A maioria dos menores entrevistados afirmou nunca ter sido impedida de comprar um cigarro. Em Maceió, esse percentual chegou a 96,7%. Em Fortaleza, a 89,9% e em Salvador a 88,9%.

Segundo o Dr. Marcos Nascimento, consultor medico da PULMAOSA, ” o tabagismo entre os adolescentes lamentavelmente não tem diminuído como vem ocorrendo entre os adultos. E tem havido um consumo maior por marcas de cigarros contrabandeados. Isto, além de colocar a saúde em risco acarreta um duplo prejuízo para o Tesouro Nacional: Maior número de doentes e sem a contrapartida da arrecadação.’ O Dr. Nascimento complementa que devemos chamar a atençao dos pais e dos educadores para dois outros fatores:

1. o inicio do cigarro ocorre cada vez mais precocemente, em geral a iniciação se dá até os 19 anos;

2. A principal forma de aquisição do cigarro pelos jovens é por unidade, apesar da proibição por lei desse tipo de venda avulsa.

Marketing nos Pontos de Venda

Um outro dado que corrobora esta escalada de novos fumantes, e a necessidade de ajuste da lei federal antifumo no Brasil,  é a multiplicidade de pontos de venda ao redor de escolas e de universidades,  fazendo necessario, portanto uma vigilância maior contra esta estrategia de Marketing da industria tabagista, para resguardar a Saúde Pública. Mas o papel da vigilância não é só’ da ANVISA, e sim de toda a sociedade: incluindo as Empresas,  as Escolas, os pais e inclusive os comerciantes.

FONTES:

PULMAOSANEWS – PULMÃO S/A: Sua Atmosfera, Sua Vida!

Instituto Nacional do Câncer (Inca) – Brasil

%d blogueiros gostam disto: