Arquivo

Posts Tagged ‘DPOC no Brasil’

Pare de fumar e diminua as viagens à Lua

18 de fevereiro de 2013 Comentários desligados

20130218-094802 AM.jpg

Pare de fumar e diminua as viagens à Lua.

O número de cigarros consumidos por dia no mundo atinge 15 bilhões por dia! Um número tão astronômico, que se colocarmos os cigarros lado a lado, a distância alcançaria o equivalente a 3.2 viagens a Lua!!!
Procure por ajuda profissional médica e pare de fumar. Sempre é tempo para parar de fumar, faça isso pela vida, faça isso por você!
Fontes:
@PulmaoSA

Anúncios

Consumo de cigarros no Brasil cai para menos de 15%

10 de abril de 2012 Comentários desligados

Consumo de cigarros no Brasil cai para menos de 15%

(Rio de janeiro e Brasília) O Ministério da Saúde do Brasil divulgou nesta terça-feira (10) a pesquisa Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico), onde registra pela primeira vez desde que os dados passaram a ser colhidos em 2006 que o número de fumantes no país caiu de 15,1% em 2010 para 14,8% em 2011. Quando a pesquisa começou a ser feita, em 2006, a proporção de fumantes no país era de 16,2%.

A pesquisa Vigitel foi realizada com 54.144 pessoas, nas 26 capitais dos estados brasileiros e mais Brasília (distrito federal)

DADOS

  • 11,8% dos brasileiros são fumantes passivos – pessoas que não fumam, mas moram com pelo menos um fumante. Além disso, 12,2% das pessoas que não fumam convivem com algum colega fumante no trabalho
  • O número de fumantes pesados – que fumam mais de 20 cigarros por dia – também caiu e está em 4,3%.
  • A frequência de fumantes permanece maior entre homens (18,1%), em comparaçnao com as mulheres (12%). No entanto, a população masculina lidera a redução do hábito de fumar – 25% dos homens declararam ter parado de fumar.
  • 200.000 brasileiros morrem por ano por causas associadas ao tabagismo, como doenças cardiovasculares, câncer de pulmão e doença pulmonar obstrutiva crônica ( bronquite crônica e enfisema pulmonar).
  • Gasto público no Brasil com o tabagismo: R$ 19 milhões por ano com diagnóstico e tratamento de doenças causadas por tabagismo passivo.

Capitais
As capitais do Sul do país registraram o maior percentual de fumantes no país: Porto Alegre com 22,6%, seguida por Curitiba com20,2%. São Paulo na região sudeste é a terceira cidade do ranking com 19,3%. As capitais com menos fumantes são: Maceió (7,8%), Salvador (8,6%), Aracaju (9,4%) e João Pessoa (9,4%). No Distrito Federal o percentual é de 13,5% e no Rio de Janeiro é de 14,1%.

Segundo o Dr. Marcos Nascimento, consultor médico da @PulmaoSA, “aliado a uma prevenção maior destinada as mulheres, os jovens e as crianças, estes dados apontam para a necessidade de se implantar também políticas regionalizadas visando obter uma maior redução no consumo dos derivados de tabaco e intensificar a tendência de queda do tabagismo no Brasil.”

 Alvos Estratégicos:

  • “ Os dados apontam também para necessidade de mais incentivo para a prevenção do tabagismo via educação escolar, uma vez que quanto maior a escolaridade, menor a chance de a pessoa começar a fumar.’
  • Um outro alvo regional para o ministério da Saúde, mas também para os Ministérios da Justiça e da fazenda  e que estende seus tentáculos para o resto do país, é o cigarro contrabandeado proveniente do Paraguai, que registra um forte consumo no sul do Brasil, e onera o erário duplamente por não arrecadar impostos e provocar mais de 50 doenças tabaco relacionadas.
  • Isto poderia ser aliado a uma política de substituição da cultura do tabaco por outras comoditties como trigo/ Milho/ soja já existentes na região sul, e poderia se somar ao de frutas com alto valor agregado como amoras e mirtilo,  associando-se a criação de um diferencial com frutas e legumes por exemplo, com baixos índices de agrotóxicos que poderiam ser destinados não apenas ao mercado interno em expansão mas com o propósito também de ganhar o mercado internacional que exige altos índices de segurança alimentar, complementa o Dr. Nascimento.”

 

FONTES:

Ministério da Saúde do Brasil – 2011, Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico);

Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia- Brazilian Congress of Pulmonology

20 de junho de 2010 Comentários desligados

XXXV CONGRESSO BRASILEIRO DE PNEUMOLOGIA E TISIOLOGIA

A trigésima quinta edição do Congresso da SBPT ocorrerá em Curitiba, capital do Estado do Paraná e considerada a ecológica do Brasil, por causa da sua qualidade de vida. O congresso acontecerá entre 16 e 20 de Novembro de 2010 no Centro de Convenções Estação Embratel, situado no shopping Estação- Antiga Estação de trem- localizada no centro de Curitiba.

O Congresso contará com a participação de vários convidados internacionais. Importantes professores da pneumologia brasileira também terão participação garantida.

2010 Ano do Pulmão - 2010 Lung Year

INSCRIÇÕES:

As incrições podem ser feitas ON LINE

Trabalhos Científicos:
Todos os resumos de trabalhos deverão ser encaminhados ON LINE até 31 de Agosto de 2010.

Fontes:

PULMAOSANEWS – Pulmaosa- Sua Atmosfera, Sua Vida!

SBPT – Sociedade Brasileira de Pneumologia e tisiologia

ENGLISH

XXXV BRAZILIAN PULMONOLOGY CONGRESS

The thirty-fifth edition of the Congress of the Brazilian Thoracic Society (BTS) will take place in Curitiba, capital of Parana State and considered the Brazilian ecological Capital, because of their quality of life.

The congress will take place between 16 and 20 November 2010 in the Estação Embratel Convention Center, located at the Mall Station- An old train station, located in downtown Curitiba.

The Congress will feature several international guests. Important teachers of Brazilian pulmonology also have guaranteed participation.

REGISTRATION:

The inscriptions can be made ON LINE

Scientific Papers:
All abstracts should be submitted ON LINE until August 31, 2010.

Sources:

PULMAOSANEWS – PULMAOSA-Your atmosphere, Your Life!

SBPT – Brazilian Pulmonology Society





H1N1:Asma é a principal condição associada a internações nos USA-H1N1: Asthma is the main condition associated hospitalizations in the USA

26 de fevereiro de 2010 Comentários desligados

Criança Asmática- Children with Asthma

Entre os pacientes hospitalizados para a pandemia de H1N1, 85% dos adultos e 65% das crianças tinham um ou mais condições médicas subjacentes, de acordo com os dados mais recentes do Centro de Prevenção e Doença dos Estados Unidos (CDC-USA).

As condições subjacentes associados com as hospitalizações H1N1 não mudaram muito, sendo a asma, a condição mais comum tanto em adultos quanto em crianças. A segunda condição em adultos foi o diabetes mellitus, seguido de doenças cardiovasculares e DPOC com 14% das internações associadas à gripe A/ H1N1. (Veja Figura 1):

INTERNAÇÕES -H1N1-HOSPITALIZATION

Em crianças, as condições têm a asma com 33% dos casos seguida de patologias neurológicas no topo da lista. (Veja a figura 2):

INTERNAÇÕES -H1N1-HOSPITALIZATION USA

FONTES:

PULMÃO S.A. NEWSSua Atmosfera, Sua Vida!®

CDC USA

ENGLISH

H1N1: Asthma is the main conditionassociated hospitalizations in the USA

Among patients hospitalized for influenza H1N1, 85% of adults and 65% of children had one or more underlying medical conditions, according to the latest data from the Center for Disease Prevention and the United States (CDC, USA).
The underlying conditions associated with hospitalizations H1N1 has not changed much, and asthma is the most common condition  in both adults and children. The second condition in adults has diabetes mellitus, followed by cardiovascular disease and COPD with 14% of hospitalizations associated with influenza A / H1N1. (See Figure 1 above).

In children, among the under conditions, asthma ansewred with 33% of cases followed by neurological diseases at the top of the list. (See Figure 2 above).

SOURCES:

PULMAOS.A.NEWS- Lungs,Your Atmosphere,Your Life! ®

CDC USA

%d blogueiros gostam disto: